Sob direção de Ricardo Kimaid Junior, a galeria Movimento apresenta-se como um espaço destinado a partilhar o processo criativo de artistas emergentes, assim como daqueles já consagrados. Possui espaço de 140 m² e um acervo criado a partir do cruzamento de diferentes gerações, prezando pela qualidade das linguagens e pela diversidade de novas perspectivas estéticas. 

 Fundada em 2007, realiza anualmente exposições com o objetivo de lançar, junto a um criterioso apoio de curadores, novas perspectivas críticas sobre a produção contemporânea. Em 2014, como parte do processo de democratização da arte, lançou o Programa Múltiplos gerando acesso à trabalhos por novos públicos e incentivando o colecionismo através do lançamento de gravuras e objetos seriados.

ago2020 - 6.jpg